segunda-feira, 28 de maio de 2012

Briga de policiais acaba com três mortos e dois feridos no DF


SEGUNDA-FEIRA, 28 DE MAIO DE 2012.

Discussão começou em bar por som alto de um dos carros
Uma briga entre dois policiais terminou com três mortes e duas pessoas feridas no início da noite do último sábado (26), em Águas Claras, região administrativa do Distrito Federal. Um policial civil e um militar começaram a discutir, de acordo com as investigações, porque um deles estava com o som do carro muito alto. Na troca de tiros, outras três pessoas que não tinham ligação com a briga foram atingidas, uma delas morreu.
A briga começou por volta de 17h50, em um bar onde ocorria um encontro de motociclistas. De acordo com o delegado da 21ª DP de Taguatinga que cuida do caso, Lúcio Valente, a briga teria sido começado porque o PM Jorge Frank Quinto, de 45 anos, estava com o som do carro ligado muito alto.

O policial civil Fábio Luciano, de 41 anos, teria se irritado com o volume e ido reclamar com o PM, momento que a discussão começou. Segundo testemunhas, os dois foram para a rua em frente o estabelecimento, onde a briga virou um tiroteio e atingiu outras pessoas.

O PM morreu na hora. O policial civil foi levado para o hospital em estado gravíssimo e morreu durante a madrugada deste domingo (27). O empresário Ronefrancis Bandeira da Silva, 38 anos, que não estava envolvido na briga, acabou levando um tiro e também morreu no local. Outras duas vítimas foram levadas para o hospital, gravemente feridas.

Ainda segundo a polícia, há indícios de que os policiais estavam sob o efeito de álcool. O delegado instaurou inquérito e está ouvindo testemunhas.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial