quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

TEMOS A OBRIGAÇÃO DE ENTENDER, MAS NÃO DE ACEITAR. NÃO COMEMOS CARROS.


31.01.2013
TEMOS A OBRIGAÇÃO DE ENTENDER, MAIS NÃO DE ACEITAR.
QUANDO DO GOVERNO LULA, TINHAMOS UMA FRASE, NÃO SEI SE CRIADA POR ELE, TENHO MINHAS DÚVIDAS COM RELAÇÃO À ISTO, DEVIDO A LIMITAÇÃO INTELECTUAL QUE O MESMO POSSUI. CONTUDO, A FRASE DIZIA O SEGUINTE, “O ARROZ NUNCA TEVE TÃO BARATO” EM TODA MINHA MODESTA OBSERVANDO O PREÇO DOS OUTROS ALIMENTOS, POIS NÃO CONSUMO APENAS ARROZ, OBSERVAVA QUE A CARNE, ESTAVA CARA E QUE CHEGUEI A COMPRAR O KILO DO FIJÃO A R$ 9,00 (NOVE) REAIS. HOJE NO GOVERNO DILMA, TEMOS A MESMA POLÍTICA, TALVEZ ALGUNS NÃO CONSIGAM PERCEBER, MAS ELA BAIXOU O IPI PARA OS VEÍCULOS, FICO PREOCUPADO VISTO QUE MINHA ALIMENTAÇÃO NÃO ENGLOBA LATARIA, BORRACHAS, ESPUMAS, ETC, ETC, ETC, OBSERVO NOVAMENTE QUE O PREÇO DOS ALIMENTOS ESTÃO UM VERDADEIRO ABSURDO. AGORA DONA DILMA, DISSE BAIXAR O PREÇO DA ENERGIA ELÉTRICA, POR OUTRO LADO VAI AUMENTAR O PREÇO DA GASOLINA. QUERO CHEGAR AO PONTO, DIZENDO QUE O GOVERNO NUNCA JOGA PARA PERDER, QUANDO DÁ COM UMA MÃO TIRA COM A OUTRA, NÃO ADIANTA TRANSFERIR A DIMINUIÇÃO DO IPI, PARA OS ALIMENTOS FAZENDO JOGO PILITIQUEIRO. FATO MESMO É QUE TANTO NO GOVERNO LULA, QUANTO NO GOVERNO DILMA, O BRASIL FOI E CONTINUA SENDO BOM PARA QUEM SEMPRE FOI, EMPRESÁRIOS E BANQUEIROS.    
FONTE: E-mail de colaborador.
postado por: joseny candido - crcs/pmdf
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial