terça-feira, 21 de maio de 2013

SIM: GDF quer aumentar o gasto com reajuste de servidores


Imagem Google
Uma análise do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) para o próximo ano indica que o governador Agnelo Queiroz (PT) aposta num cenário de fartura às vésperas das eleições. Em 2014, quando deve concorrer à reeleição, o petista pretende gastar quase quatro vezes mais com a concessão de reajustes salariais a servidores e com a realização de concursos públicos. O texto enviado à Câmara Legislativa na semana passada destina R$ 698 milhões para melhorias no funcionalismo público. Este ano, as mesmas rubricas consumiram quase quatro vezes menos: R$ 180 milhões. Para concursos, o GDF estima gastar R$ 221 milhões na contratação de 6,4 mil funcionários e, para aumentar os salários, a previsão é de R$ 477 milhões.

Na área de melhorias, também há otimismo. O governo estima investir R$ 2,5 bilhões no ano que vem, patamar que historicamente só não ultrapassa a estimativa para 2013, quando a conclusão do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha e obras de mobilidade urbana deverão consumir R$ 3,2 bilhões. Entre os investimentos prioritários para 2014, estão a construção do BRT Norte, a expansão do metrô e a retomada das obras do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). Informações do Correio Braziliense.

joseny lopes 22052013
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial